IGTI Blog
transformação de processos

Transformação de processos – O que é?

Como deve ser conduzida a transformação de processos?

A transformação de processos nada mais é do que a evolução planejada de um processo de negócio utilizando uma metodologia claramente definida e uma abordagem disciplinada para garantir que o processo de negócio continue a atingir os objetivos de negócio, ou seja, as mudanças na forma como os processos são executados.

A transformação de processos se propõe a implementar o que foi construído na fase de análise e desenho de processos, levando em consideração os aspectos relativos à mudança no ambiente organizacional sendo orientada à melhoria contínua e otimização de processos.

Comumente, a transformação de processos é confundida com automação de processos, o que, na prática, não condiz com a verdade. Podemos ter transformação de um processo de negócio sem necessariamente ter que realizar implementações ou desenvolver um sistema de informação para realizá-lo.

A transformação com um viés de automação de processos de negócio, é realizada através da implantação de sistemas ou melhorias em funcionalidades, que possibilitam a redução no tempo de execução do processo por meio da automação de tarefas, porém, com a possibilidade de intervenção humana quando houver existência de decisões críticas com maior impacto para o processo.

Os processos otimizados são aqueles que consistentemente atingem as metas predefinidas em termos de eficiência e efetividade.

Veja também: O perfil e os desafios da carreira do Analista de Processos

A implementação do processo de negócio é transformar um desenho aprovado em processos organizacionais operacionais, políticas e procedimentos de BPM revisadas que são aceitas pelas partes interessadas e apropriadamente treinadas.

A transformação de processos engloba diversas atividades para sua execução:

  1.   Revisar os objetivos, entregáveis, métricas e tempo do projeto

É a revisão de todos os artefatos que devem ser produzidos, a definição dos indicadores e determinação do tempo para execução do projeto.

  1.   Elaborar o plano de projeto de implementação

A transformação de processos pressupõe a elaboração de um projeto para sua implantação.

  1.   Planejar a implementação

O planejamento da implementação também engloba etapas relativas ao gerenciamento de projetos com definição dos principais participantes e suas atribuições no mesmo.

  1.   Gerenciar riscos e problemas

Riscos são inerentes a qualquer projeto que pretenda modificar a forma como algo é realizado.

  1.   Implementar a transformação

A implementação é bem voltada para aqueles projetos de transformação em que há desenvolvimento ou modificação em sistemas informatizados.

  1.   Treinar os usuários

A transformação pressupõe modificações consideráveis na forma como são realizadas as tarefas. Faz-se necessário prover treinamentos e suporte aos usuários.

  1.   Orquestrar a mudança

A mudança deve ser devidamente planejada para que problemas e resistências a mudança sejam minimizados.

  1.   Avaliar (pós-implantação)

A avaliação do que foi implantado deve ser realizada para retroalimentar uma nova etapa e corrigir os desvios e imprevistos que possam surgir quando o processo estiver em operação.

Professor autor: Enivaldo Soares Bigão